Web, 30 anos: a internet como um direito da humanidade.

Share Button

Deu anteontem no Meio & Mensagem:

Tim Berners-Lee, criador do WWW, propõe um contrato global entre cidadãos, empresas e governos pelo bem da rede.

LINK – https://www.meioemensagem.com.br/home/midia/2019/03/12/web-30-a-internet-como-um-direito-da-humanidade.html?adtagid=&utm_term=Web%2C+30+anos%3A+a+internet+como+um+direito+da+humanidade&utm_campaign=Meio+%26+Mensagem+News&utm_source=e-goi&utm_medium=email

COMENTÁRIO

Aí você posta algo importante no seu grupo de WhatsApp ou Facebook. E, imediatamente, o assunto já morreu na tsunami típica das redes sociais…

A internet e as redes, de fato, se tornaram ferramentas de dispersão, desinformação e desengajamento – justamente o contrário do que prometeram.

Lamentável!

A web, hoje balzaquiana, tem méritos… mas tem idiossincrasias preocupantes. O mundo seria outro sem ela… Pior…

Parabéns, internet! Mas as minhas congratulações não se estendem a todas as suas ferramentas e usuários.

A luta – da parte deste OCI – é tornar a comunicação institucional (de governos, empresas e organizações da sociedade civil) um direito humano fundamental.

‘Todo cidadão tem o direito a uma comunicação institucional íntegra, clara, objetiva e que não o induza a erro de julgamento’. Este deve ser o mandamento!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *