Marketing, experiência e gratidão. Por Nayara Brito.

Share Button

Você consegue listar agora a quais marcas você é grato? Seja por uma experiência superada, por um problema resolvido, por um detalhe cativante, por um atendimento humanizado, por verem e tratarem você consumidor como único, exclusivo e pessoal?

Ser grato a uma marca é mais do que ter necessidades ou desejos atendidos. É permitir-se e atrelar-se a ela em forma de vínculo, de se sentir especial, de acreditar que aquela jornada de consumo foi feita pensando totalmente em você, particularmente em você.

Mas o marketing de gratidão não é somente sobre personalização, sobre te chamar pelo nome, te prestar um atendimento além das expectativas ou “gourmetizar” soluções. É sobre experiência, relacionamento, pertencimento, fidelidade. É sobre promover relações ganha-ganha, nas quais todas as partes se beneficiam, tendo a humanização como premissa básica em todo o processo comunicacional junto aos envolvidos.

É fato que as marcas querem vender, lucrar, ganhar mercado, serem reconhecidas e procuradas, mas é preciso ter em mente que os clientes e consumidores atuais possuem expectativas que vão além do que se pode ver. O que eles querem na verdade é sentir. Querem experimentar a verdadeira intenção da marca para com eles, provando e aprovando de seus produtos ou serviços pelas suas próprias experiências, tirando e recomendando suas próprias conclusões. E é justamente neste relacionar-se genuíno e intencional que gratos sentimentos por trás da estratégia de marketing e da jornada do consumidor realmente afloram: valorização, pertencimento, fidelização e recomendação.

A grande mudança de chave para desfrutar deste tipo gratificante de relacionamento é deixar de querer que nossos clientes e consumidores sejam fiéis apenas aos nossos produtos ou serviços. Ouso dizer que é trocar o tangível pelo intangível. É fazer algo fora do padrão, num processo singular. Um processo que transforme pontos comuns de cada público em particularidades positivas desencadeadas em cada indivíduo. É entender que em um universo plural de soluções, sua marca ainda pode ser única para alguém. Agradeça!

Imagem: Pexels.

Nayara Brito é relações-públicas e dedica suas escritas a temas que geralmente causam inquietações e questionamentos em sua mente. Sempre pautada em assuntos que se originam da comunicação como um todo, procura transmitir um pouco de suas reflexões, experiências e estudos por meio de seus conteúdos. Acompanhe seu trabalho também em https://www.linkedin.com/in/nayarabrito/