Tenha orgulho do seu nome. Ele define você. É a sua identidade. Sua marca no mundo. Ninguém pode apagar. Nem hoje, nem amanhã, nem nunca. Porque só existe um de você. E é isso que importa no final.

Share Button

download (4)

Noutro dia este OCI clipou um filmete de 1 minuto de duração da Volvo, atribuindo ao mesmo qualidades exemplares de boa peça institucional.

Hoje clipamos a Jeep Brasil que, em sua nova campanha, também faz uso magistral de texto, imagem e trilha sonora para “vender” – em filmete de 1 minuto – marca… e não automóveis. Acesse – https://www.youtube.com/watch?v=qqtTHkPfmDQ

Mais interessante ainda se torna, em termos de comunicação do tipo institucional, porque avoca o atributo “nome” – que todos temos – e tudo aquilo que orbita em torno disto em termos de unicidade, identidade, “marca”, personalidade, propriedade, história-trajetória e permanência. Sete atributos, sete frases, sete pessoas, sete faces – uma para cada fenda que compõe a “cara” – e a “marca” – de todo e qualquer Jeep.

Nome é assinatura. Assinatura é griffe. Griffe tem valor.

25 respostas para “Tenha orgulho do seu nome. Ele define você. É a sua identidade. Sua marca no mundo. Ninguém pode apagar. Nem hoje, nem amanhã, nem nunca. Porque só existe um de você. E é isso que importa no final.”

  1. ANA MARIA NOVAES D' AMICO disse:

    o nome faz a marca, no individuo, ´faz nossa HISTORIA E A HISTORIA (marca hábito costumes moda, musica, etc.

    QUEM CRIOU ESSE TEXTO EXPRESSA MTA SENSIBILIDADE. PARABENS 1

  2. Patricia disse:

    Satisfeita com meu nome

  3. Edna Camargo Silva Feitosa. disse:

    Muito criativo e bem escrito. Vou trabalhar identidade com os alunos do 4º ano na sala de aula e explorá-lo.

    • Marcondes Neto disse:

      Gratíssimo pelo ‘feedback’ e, principalmente, pela perspectiva de uso em sala de aula, Profa. Edna Camargo. Nosso principal intento é ser apoio ao professor e estudantes nesse ambiente. Gostaríamos de saber dos resultados e interagir sobre isso. Saudações, Marcondes Neto.

  4. Janemary disse:

    Adorei, compartilhei, parabéns

  5. lisa schwartz disse:

    queria muito saber onde eu encontro essa trilha sonora que vpces isaram nesse comercial. apaixonei

  6. Cristiane disse:

    Amei…vou colocar de status no face!!parabéns #perfeito

  7. Filomena Scalisse disse:

    Linda propaganda…..
    linda mensagem… afinal o nome é a identidade de cada ser e tem um significado todo especial.
    Simplesmente amei!!!!

  8. Adriane de Oliveira Leite disse:

    Adorei a mensagem. Vou colocar na minha tese de mestrado, só que preciso saber que foi o autor. Vocês podem me enviar?
    Lindo comercial!

  9. Ary Txay disse:

    Esse spot – se é esse o termo técnico – causou-me um grande interesse desde o princípio, por várias razões. Inicialmente percebi que é utilizado uma imagem do Parque Nacional da Serra da Capivara, localizado próximo a São Raimundo Nonato, Piauí. Trata-se do maior museu aberto de de arqueologia no continente americano, segundo opinião de alguns especialistas.

    Outro motivo é profundamente coincidente. Estão prestes a publicar uma ENCICLOPÉDIA DE GENTÍLICOS* AMERÍNDIOS´** DO CANADÁ A ARGENTINA. Ao longo de 15 anos compilei cerca de 200 fontes de natureza variada (inclusive livros, jornais e outras mídias). Cada nome é um verbete (em torno de 6.000 nomes). O trabalho é apresentado por uma doutoranda em antropologia; um historiador paraense – PhD, prof. da UFPA – faz uma resenha. São nomes do século XV aos nossos dias: célebres caciques, guerreiros, pajés, xamãs, artistas, ambientalistas, educadores e gente simples como simples estudantes, funcionários públicos, claro, todos ameríndios. Não menos importante são as 300 notas de rodapé. Portanto, o pensamento-chave da peça publicitária e da minha enciclopédia estão no mesmo universo cultural do nome e da identidade, sendo um material (marca de veiculos/objetos) e outro humano/civil/espiritual (nome de gente)..
    * nome de gente, pessoas ** os nativos e seus descendentes nascidos no continente americano/Américas (Norte/Central/Sul) são ameríndios) equivale a indígena.

    txay@uol.com.br

  10. Rita de Cássia Carvalho disse:

    Adorei a frase e coloquei de status no facebook com as devidas autorias!

  11. zenaide salgueiro disse:

    Amei a propaganda!
    Aproveitei para trabalhar a valorização do ser como cidadão!
    Parabéns!

  12. nanci viana rabelo disse:

    Quando ouvi este texto logo pensei ‘maravilhoso’ – para um projeto sobre identidade. Peço permissão para usa-lo. Trabalho numa creche e ele vai abrilhantar meu trabalho. Um abraço!

  13. Marta disse:

    Nossa, me emocionei com a mensagem maravilhosa dessa propaganda: sensacional! Lamentei não estar mais no ar… É a melhor propaganda do ano!

  14. Cássio Dantas disse:

    Esse texto é tudo o que define a sua passagem pela terra. Será a sua marca deixada para sempre na História. Fantástico!!!

  15. Smithd796 disse:

    Hello there, i am interested ffkeaaddafedabdc

  16. Decorridos 2 anos e meio e o projeto editorial transformou-se em Enciclopedia Amerindia do Canada a Argentina. Săo 13.000 verbetes nominais, 500 NR e mais de 250 referencias bibliograficas e de outras fontes. Tudo leva a crer que no proximo semestre sair uma ediçao piloto, a melhor saida para projeto editorial desse porte, carente de patrocinio. Os nomes săo importantes, mas ha muito mais alem dos nomes, na historia de cada um, nas relaçoes culturais..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *