POWERBRANDING - Percurso acadêmico-científico concluído... por ora.

Share Button

De 1998 a 2020 percorreu-se um tempo e um caminho de descoberta, processo e inovação. Academicamente iniciado com um convite para ministrar a disciplina ‘Gerenciamento de Marcas I’, na ESPM do Rio de Janeiro, em 1998, Manoel Marcondes Neto, o trajeto veio consolidar um interesse primordial pelo Marketing que remonta a período pré-universitário datado de 1977, quando de um estágio experimental na ‘gerência de produto’ (Dogmatil) em implementação no laboratório Farmos-Espasil, braço brasileiro de Laboratoires Delagrange, sob a batuta do ‘craque’ Walter Mesquita.

O curso superior em Comunicação Social, iniciado em 1978, abriria as portas para o Marketing nas disciplinas cursadas sob a batuta de Manoel Maria de Vasconcellos, na UERJ, nos anos de 1979 e 1980; Mercadologia I e II. Estava ali inoculado o interesse que levaria Marcondes Neto a cursar a pós-graduação da ESPM, onde, além de Vasconcellos, atuava um outro ‘guru’; Luiz Estevam Lopes Gonçalves, este responsável pela cadeira de Pesquisa de Mercado. A cadeira Marketing de Serviços, a cargo de Sergio Azevedo, complementaria a motivação. O ano, 1990.

O doutorado (cursado no período 1996-1999, na USP) viria a confirmar uma escolha feita anos antes, pelo ‘Marketing Cultural’ – dada a experiência iniciada na República Produções, desde 1985 – mesmo ano de criação do Ministério da Cultura, e um ano antes da Lei Sarney (1986) -, trajetória que iria estender-se até 1993, superando o ‘cisma’ da era Collor de Mello (1990-1992). O Marketing Cultural foi termo ‘inventado’ pela imprensa brasileira. A expressão carece de sentido tanto na língua-mãe do Marketing quanto na língua falada na pátria-mãe do Brasil, Portugal.

Trajeto

1998 a 2001 – Consultor especialista na divisão ‘Marketing & Communications’ da Andersen Consulting (depois, Accenture), responsável por corporate citizenship, internal comms, sponsorship e brand building

1999 – Lançamento do website ‘Marketing & Cultura: comunhão de bens‘ (conteúdos adicionais ao livro ‘Marketing Cultural: das práticas à teoria‘ – da pesquisa com vistas à tese acadêmica)

2000 – Aprovada a tese de doutorado ‘Marketing Cultural: características, modalidades e seu uso como política de comunicação institucional‘, sob a orientação de Margarida Kunsch

2000 – Atuação como ‘brand champion’ no processo de rebranding de Andersen Consulting para Accenture, em São Paulo (2000/2001). O processo seria narrado em Apêndice de livro (*)

2001 – Palestra proferida na Universidade Gama Filho inaugura o interesse pela disciplina Branding (hoje quase que substituindo a disciplina Marketing)

2001 a 2004 – Período na ESPM-Rio a cargo das disciplinas ‘Gerenciamento de Marcas I’ e ‘Marketing Cultural’

2005 – Início da atuação como publisher e consultor de Marketing na Conceito Editorial, no Rio de Janeiro (vínculo que se estenderia até 2019, com a descontinuação da casa editorial)

2006 – Lançamento post mortem do livro ‘Marketing Básico‘, do ‘guru’ primeiro, o pioneiro do Marketing e das Relações Públicas no Brasil, Manoel Maria de Vasconcellos

2008 – Lançamento do livro ‘Relações Públicas e Marketing: convergências entre Comunicação e Administração‘.

2008 – Proposta do composto de 12 Ps do Marketing Contemporâneo (vide ilustração acima), a partir do composto de 11 Ps de  Francisco Madia – no Madia Mundo Marketing

2009 – Criação do website CPDCOM – Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Comunicação de Marketing, sucedâneo da CPDCOM/UERJ – homenagem ao ‘guru’ Manoel Maria de Vasconcellos, falecido em 1987, no campus Maracanã da UERJ – no exercício do mandato de primeiro diretor da Faculdade de Comunicação Social

2009 – Marcondes Neto transfere-se (em permuta), a convite da Profa. Adriana Lana, da Faculdade de Comunicação Social para a Faculdade de Administração e Finanças da UERJ

2011 – Criação do Grupo de Pesquisa ‘Empoderamento das marcas comerciais – um novo conceito: Powerbranding‘ (credenciado pela UERJ)

2011 – Lançamento do website ‘Powerbranding

2013 – O conceito de Powerbranding é apresentado em evento do CRC-RJ no Sindicato dos Contadores do Rio de Janeiro

2015 – ‘Marca: do marketing ao balanço financeiro‘, coautoria com Mariza Branco Rodrigo de Freitas, ex-orientanda no Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis/UERJ (*)

2018 – Lançamento do canal The Brand Forum, no YouTube

2019 – Coorientação de Adriana Rios – uma segunda dissertação no tema Branding – no âmbito do Programa de Pós-Graduação em Ciências Contábeis/UERJ

2020 – Lançamento do website ‘Bee Branded System – The Hive‘ – com uma visão compreensivo-sistêmica do conceito de ‘Powerbranding’

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *