Cadê o "rolezinho" da seca?

Share Button

O nordestino é, antes de tudo… um santo…

Uma coisa sobre a qual ninguém fala com a seriedade que o tema merece, é a seca  – a pior dos últimos 30 anos, segundo alguns especialistas.

O nordestino é um guerreiro e um pacífico, pois, até agora, não ocorreram saques no comércio das cidades mais castigadas. E está, mais uma vez, enfrentando o açoite de sempre com uma força que ninguém sabe de onde vem.

As imagens do gado morto de fome e sede são estarrecedoras. As imagens da falta d’água, idem.

No final de 2013, mil quatrocentos e setenta municípios da região Nordeste estavam em situação de emergência por causa da seca. Faltava comida para os animais e as reservas de água estavam quase no fim. Agora a situação piorou.

Mas ninguém toca no assunto. O monotema é chato: “fome & sede”. A indústria da seca se eterniza e a mídia não dá uma linha… afinal, os coronéis são os mesmos: donos da indústria da seca & donos da indústria da mídia local e regional.

Se a massa nordestina sair em busca de comida e água, a gente vai ver o que é rolezinho de verdade. Ou arrastão justificado.

E eles estarão absolutamente certos. Ou não?

Seca.AlineOliveria.Caucaia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *