COMUNICAÇÃO INTERNA E ENDOMARKETING - Canais internos 'on demand'.

Share Button

Estamos na Era do Acesso, escolhemos aplicativos para nossa mobilidade urbana, utilizamos as redes para nos conectar e cocriar com pessoas e causas que conversam com os nossos propósitos, compramos on-line produtos sustentáveis, verificamos nas redes e comunidades a reputação das organizações, e, como não poderia ser diferente, escolhemos os conteúdos que queremos consumir, na hora em que desejamos e pelas diversas plataformas que existem. Estamos na Era do Acesso que nos permite ESCOLHER e DIALOGAR, o que muda o nosso ‘mindset’. Não há mais espaço para a imposição, para o ‘top-down’.

Qual o impacto deste momento na comunicação com os empregados*?

Esse novo momento pressupõe um outro tipo de organização para a área de comunicação com empregados – um modelo menos centralizado, menos hierarquizado e mais distribuído.

Não há mais espaço para canais de comunicação desconexos, com conteúdos insossos e sem atrativos para a audiência interna. Vemos que as estruturas rígidas e tradicionais das organizações estão em choque com a fluidez que os empregados CONSOMEM e ESCOLHEM suas fontes de informação. Percebemos também que há uma necessidade de uma comunicação dialógica, promovendo ambientes seguros que gerem autonomia e protagonismo.

A área de comunicação precisa ter canais, plataformas e veículos que sejam escolhidos pelos empregados no seu processo de ‘onboarding’, como em um sistema de assinatura ‘on demand’. Esta mudança faz com que o empregado tenha autonomia e protagonismo pela busca das informações que considere pertinente ao seu desenvolvimento, tais como benefícios, carreira e comunicação processual. Neste sistema a área de comunicação precisa garantir a transparência, o diálogo e a atratividade quanto a estes conteúdos.

Pensar em um menu de canais é muito desafiador ainda, mas é um passo para que todos sejam responsáveis pela comunicação e pelo protagonismo dentro das organizações.

* Escolhemos o termo ‘comunicação com empregados’ para nominar a comunicação interna. Hoje não faz sentido acreditarmos que existe uma comunicação que fique restrita aos muros da organização.

Fabiana Becker é especialista em Comunicação com o Empregado, Comunicação Interna, Endomarketing. É sócia da FALE Consultoras. www.faleconsultoras.