PESQUISA DE MERCADO - Importância da ética no recrutamento. Por Silvia Monteiro.

Share Button

Na última edição da coluna, eu falei do recrutamento tradicional e do método que utilizo. Um fator muito importante para minha mudança de método também foi a forma como as recrutadoras do mercado captam os participantes. Elas falam em bonificação, remuneração e até em cachê para participar quando o correto seria falar em ajuda de custo simbólica para cobrir o gasto com o deslocamento.

Isto, além de ser feio, desvirtua nosso trabalho e interfere na seriedade e credibilidade do que é pesquisa, que passa a ser um bate-papo no qual a pessoa come, bebe e recebe um dinheiro para isso. Sou bastante inflexível com esse tipo de abordagem. Tem até recrutadoras que expõem todo o perfil dos grupos em redes sociais. Existem páginas com o nome: ‘Pesquisa remunerada’, entre outras. Não há nada que me deixe mais revoltada que isso. Por esse motivo também, adquiri e treinei a conduta e abordagem da minha própria equipe para entregar ao meu cliente um trabalho em que acredito.

Mais ética e profissionalismo, por favor!

Silvia Monteiro por ela mesma: jornalista com 30 anos de experiência em Pesquisa Qualitativa, especialista em Coordenação de Recrutamento. Com muitas histórias na bagagem para compartilhar aqui com vocês. Como boa jornalista, também amo escrever, então além de uma sólida carreira como pesquisadora, produzo conteúdo, seja para portais como o O.C.I, como para páginas em que faço também monitoramento e divulgação de imagem e produtos. Entendi que o Marketing Digital é o caminho natural do jornalismo tradicional.