O MANTRA É O DIÁLOGO - 5 estratégias de manipulação em massa utilizadas diariamente contra a população.

Share Button

Noam Chomsky é um linguista, filósofo, cientista cognitivo, comentarista e ativista político norte-americano. Ele é reverenciado em âmbito acadêmico como ‘o pai da linguística moderna’, e também é uma das mais renomadas figuras no campo da filosofia analítica.

Inspirado nas idéias de Noam Chomsky, o francês Sylvain Timsit elaborou a lista das ’10 estratégias mais comuns de manipulação em massa através dos meios de comunicação de massa’. Sylvain Timsit elenca estratégias utilizadas diariamente há dezenas de anos para manobrar massas, criar um senso comum e conseguir fazer a população agir conforme interesses de uma classe mundial. Seguem as cinco que considero mais importantes para o profissional de relações públicas.

1. A estratégia da distração

Um dos elementos para o controle social é a estratégia da distração, que consiste em desviar a atenção do público dos problemas importantes e das mudanças decididas pelas elites políticas e econômicas mediante a técnica do dilúvio, ou inundação de contínuas distrações e de informações insignificantes.

A estratégia da distração serve para impedir o público de interessar-se por conhecimentos essenciais nas áreas da ciência, economia, psicologia, neurobiologia e cibernética; manter a atenção do público distraída, longe dos verdadeiros problemas sociais, cativada por temas sem importância real.

2. Criar problemas e depois oferecer soluções

Este método também é chamado ‘problema-reação-solução’. Cria-se um problema, uma ‘situação’ prevista para causar certa reação no público, a fim de que este seja o mandante das medidas que se deseja aceitar.

3. A estratégia da gradualidade

Para fazer que se aceite uma medida inaceitável, basta aplicá-la gradualmente, a conta-gotas, por anos consecutivos.

4. Dirigir-se ao público como crianças

A maioria da publicidade dirigida ao grande público utiliza discurso, argumentos, personagens e entonação particularmente infantis, muitas vezes próximos à debilidade, como se o espectador fosse uma criança de pouca idade. A psicologia explica!

5. Utilizar o aspecto emocional muito mais do que a reflexão

Fazer uso do aspecto emocional é uma técnica clássica para causar um curto-circuito na análise racional, e finalmente no sentido crítico dos indivíduos. Por outro lado, a utilização do registro emocional permite solo fértil de acesso ao inconsciente para implantar ideias, desejos, medos e temores, compulsões ou induzir comportamentos.

Como relações-públicas, nosso papel é conscientizar a população para a construção de uma opinião pública clara e íntegra. Fazer o papel da mídia ser o mais transparente possível. Ficar atento para não deixar essas estratégias de manipulação ocorrerem.

Ana Moura é brasileira, relações-públicas e estudante de Relações Internacionais. Gosta de falar sobre tudo. Atua como pesquisadora de Comunicação e Trabalho e de Cultura Organizacional.

Uma resposta para “O MANTRA É O DIÁLOGO – 5 estratégias de manipulação em massa utilizadas diariamente contra a população.”

  1. Marcus Vinicius Ferreira de Moura disse:

    Hj convivemos com uma avalanche de informações tendenciosas , difundidas pelas redes socias que confundem a todos e desestabilizam Instituições de grandes democracias.
    Até as pessoas mais esclarecidas e as grandes mídias caem nestas ciladas.
    Esta publicação é muito oportuna para nos alertar sobre td isso que está acontecendo.

Deixe uma resposta para Marcus Vinicius Ferreira de Moura Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *