Coronavírus (COVID-19) e a comunicação. Por Cinthia Flôres.

Share Button

Definitivamente não tem para ninguém com a chegada do Coronavírus ao Brasil. Todos, todas e todxs teremos que lavar as mãos com mais atenção. Passar o detergente nas mãos, abrir a torneira, deixar a água escorrer e lavar as mãos até a altura dos pulsos pode salvar vidas. Incrível nós sabermos desde os primeiros anos escolares que lavar as mãos é um hábito de higiene saudável, necessário, e agora uma ação que pode prevenir a proliferação deste novo vírus. O álcool gel também é uma alternativa de prevenção.

O Coronavírus surgiu no fim do ano passado na China, e como pessoas vão e voltam, temos casos suspeitos deste vírus e uma confirmação de contaminação no Brasil.

A contaminação se dá através da tosse, espirro, fala e aperto de mãos. A nova etiqueta de saúde alerta que não se usa mais as mãos ao espirrar (colocando-as na frente da boca); o correto é dobrar um dos braços e espirrar naquela dobrinha do cotovelo. Etiqueta, moda, sobrevivência, educação, você pode escolher a palavra que melhor lhe convier, mas a ação agora é esta. Aqui no estado do Rio Grande do Sul está sendo recomendado que nossa bebida típica, o chimarrão, não seja mais compartilhada, cada um com sua cuia. E vejam, isto não pode ser considerado egoísmo, é apenas uma dica que pode nos salvar de uma simples gripe, ou resfriado ou Coronavírus.

Eu terei que parar de correr para o Posto de Saúde quando me sentir mal… Sim, eu faço isto. Segundo o dr. Dráuzio Varella, o melhor a fazermos é esperar alguns dias para irmos ao Posto de Saúde, pois, ali sim, há vários riscos de se contrair uma infecção respiratória. Eu confio nas palavras do dr. Dráuzio, ele não é somente um rosto na televisão, é um médico experiente. É notícia certeira. Fonte é tudo.

Enfim, as doenças nos ensinam como devemos nos manter vivos neste Planeta, talvez seja a hora de aprendermos a ajustar nossa saúde para ficarmos por aqui mais um tempinho. Que a música ‘O último dia’, interpretada por Ney Matogrosso, continue apenas sendo apenas uma música de prevenção. Criei agora um novo estilo musical: o preventivo. Dá-lhe Ney!

Cuidem-se! Feliz 2020! Feliz Dia Internacional da Mulher!

Cinthia Flôres é relações-públicas (2076/RS/SC) pela Feevale, tem experiência em planejamento e realização de eventos internos e externos, assessoria de imprensa, relações públicas, vendas, magistério, coordenação de equipes, atendimentos a clientes pessoa física e jurídica, relações governamentais e comunicação corporativa/institucional.