China e seu histórico controle social: reflexões sobre os manifestos em Hong Kong. Por Sandi de Oliveira Aurélio.

Share Button

Com as recentes convulsões sociais em um dos países mais controlados do mundo é interessante questionar o sistema de interação entre o governo chinês e a sociedade em relação à tendência acelerada de um novo tipo de mobilização social presente em diversos outros países.

Leia a íntegra.

Imagem: Depto. de Estado/D. Thompson.

Sandi de Oliveira Aurélio é estudante de Relações Públicas na Universidade de São Paulo. Interessada em atualidades, politica e questões humanitárias, é apaixonada por viagens, culturas e línguas diversas.