Odebrecht: um 'rebranding' salva. Só que não.

Share Button

É compreensível que se queira – numa empresa familiar – manter seu nome nos negócios. Mas é igualmente compreensível o contrário. E as decisões já estão sendo tomadas.

LINK – http://www.powerbranding.com.br/2018/02/odebrecht-um-rebranding-salva-so-que-nao.html

Fica a dica do livro ‘Brandwashed’ de Martin Lindstrom, que recomendamos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *