Dois diretores do BNDES - Vinícius Carrasco, da área Planejamento e Pesquisa, e Cláudio Coutinho, da área de Crédito, Financeira e Internacional -, pediram demissão. A decisão foi tomada após entrevista do presidente do banco, Paulo Rabello de Castro, ao jornal "O Estado de S. Paulo".

Share Button

Deu ontem n’O Globo (P. 20), na matéria de Danielle Nogueira:

A carta de demissão de ambos foi entregue ao presidente do BNDES no fim da manhã. A conversa foi rápida e cordial. Vinícius Carrasco (foto) contou que seu pedido de demissão seria natural e que seria anunciado em algum momento, já que fora convidado por Maria Silvia Bastos Marques (que deixou o BNDES em 26 de maio último). Mas frisou que a divergência com Paulo Rabello de Castro sobre a TLP acelerou a decisão. Ainda mais por ter tomado conhecimento da posição do presidente do banco pela mídia…

LINK – https://oglobo.globo.com/economia/dois-diretores-deixam-bndes-por-divergencia-com-paulo-rabello-21565412

COMENTÁRIO

Quando se trata – em sala de aula – de comunicação interna, integração e engajamento de pessoas, e crise de imagem pública, temas obrigatórios nos cursos de Relações Públicas, muitas vezes carecemos de situações reais exemplificadoras – o que dificulta o entendimento de quão importante são essas questões. Este ‘clip’ é exemplar dos três ‘issues’… um problema (com potencial de efeitos colaterais, uma vez que os ‘problemáticos’ falam…) que advém quando um quadro da empresa vem a saber de algo de sua alçada pela mídia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *