7 questões que indicam que sua empresa precisa de um projeto de 'branding'. Conteúdo Aurora Branding.

Share Button

A gestão da marca está completamente ligada à percepção de valor perante o consumidor. Porém este é um caminho que começa com o projeto de ‘branding’ – trajeto que começa com uma profunda revisão interna de propósito e valores, e resulta na ampliação da confiança e credibilidade da marca no mercado.

Para ajudar a entender os benefícios deste trabalho que atrai mais clientes ao negócio, a equipe da Aurora Branding – empresa curitibana especializada em posicionamento de marcas – elaborou uma lista com 7 questões que indicam que uma organização está necessitando de um projeto de ‘branding’.

1. Cada indivíduo da empresa caminha para um lado diferente?

Os colaboradores, sejam analistas, coordenadores, gerentes – e até diretores – não sabem qual é a direção correta para seguir. E, a partir disso, cada um segue para um direcionamento que acredita ser o certo, com as suas convicções pessoais e não por meio de uma filosofia e de uma ‘identidade da empresa’.

2. Os projetos da empresa não alcançam os resultados desejados?

A empresa investe em marketing, desenvolvimento de produtos e serviços, e tenta inovar – mas não atinge a percepção desejada para a sua marca. A imagem da marca, mesmo com investimentos e ações, continua aquém da verdade da empresa. E a ‘proposta de valor’ do produto ou serviço com percepção de pouca relevância.

3. Seus clientes não percebem o valor da sua marca forçando a competição por preço?

Ter o preço mais baixo de determinada categoria deve ser uma estratégia. E não uma falta de estratégia. O ‘branding’ traz clareza para a percepção de relevância da empresa, tornando seus produtos e serviços com maior valor perante seus clientes.

4. O posicionamento da empresa não está definido?

Toda marca tem (que ter) um posicionamento. Se a empresa não construir um por meio de um ‘branding’ sólido, o consumidor tirará suas próprias conclusões, posicionando a marca de acordo com sua experiência pessoal ou opinião de terceiros. Na maioria dos casos isto significa um problema para a imagem da empresa.

5. A marca sofre de uma crise de identidade?

O ‘branding’ visa alinhar a percepção da identidade da empresa (quem ela é, para que existe, como pensa e age) para todos os públicos. Traz à tona as forças e diferenciais da empresa, tornando sua personalidade clara e com mais força para conexões mais fortes entre a marca e as pessoas.

6. Os diferenciais em relação à concorrência não estão definidos?

Uma das premissas do trabalho de ‘branding’ é a diferenciação. Nos tempos atuais, nos quais o consumidor tem um excesso de oferta, ser melhor não basta. É preciso ser diferente, ter uma proposta de valor única e uma identidade própria, autêntica.

7. Investimentos em propaganda e/ou marketing não estão dando resultado?

Isto pode estar ocorrendo porque a identidade da empresa não está bem definida, comprometendo o direcionamento dos negócios. Talvez seja mais interessante otimizar os investimentos de marketing, investindo num projeto de ‘branding’ para redefinir a direção a seguir e os objetivos que se deseja alcançar. Com os resultados, os investimentos em comunicação tornam-se muito mais assertivos e, com isso, obter-se resultados melhores com menor esforço e aplicação correta de recursos.

Contribuição: Robertson Luz – Lide Multimídia – Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *